sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Processo criativo

O meu processo criativo é muito interessante. Quando uma palavra surge na mente, ela traz uma carga de significados e, por si só ela já é completa nesse instante, mas eu vou recortando a palavra, reforçando seus indícios mais fortes, aproximando o termo da intenção do poema. Algumas palavras simplesmente passam semanas flutuando... Enquanto vou agregando a elas outras palavras, ou uma rima, até o momento em que a mente diz: 'agora'! Daí eu paro onde estiver e escrevo.

Um comentário:

Natália Santis disse...

No meu caso uma palavra gera um brainstorm, onde eu tenho que escrever tudo o que me vem na mente, como se eu tivesse que captar as palavras antes que elas se percam. Há vezes em que minha mente brinca comigo, quando eu pegoi um lápis e simplesmente minha mente se apaga..